Saiba como funciona a prova OAB e seja aprovado!

Saiba como funciona a prova da oab e seja um advogado!
9 minutos para ler

Como funciona a prova da OAB? Você já deve ter ouvido um estudante de Direito dizer que seu sonho era conquistar a famosa “vermelhinha”. Afinal, o que seria isso?

Bom, a “vermelhinha” nada mais é do que o apelido carinhoso que os estudantes de Direito e bacharéis dão à carteira de advogado.

Somente com ela o bacharel em Direito pode exercer a advocacia, ou seja, ser advogado e exercer atividades privativas como desempenhar atividade de consultoria, assessoria, direção jurídicas, por exemplo. Essas são as normas  do art. 1º do Estatuto da Advocacia e a Ordem dos Advogados do Brasil.

Por isso, para ser um advogado em território nacional, deve-se realizar a prova da Ordem dos Advogados do Brasil, popularmente conhecida no meio jurídico como o Exame da OAB ou prova da Ordem.

Para isso, é exigido que o candidato esteja matriculado nos últimos dois semestres ou último ano do curso ou ser bacharel (estar formado) em Direito.

A prova é realizada 3 vezes por ano e é dividida em primeira e segunda fase. A primeira fase do Exame consiste em uma prova de caráter eliminatório, composta por 80 questões de múltipla escolha que abordam temas de 17 disciplinas do curso de Direito, são elas:

  1. Ética – 8 questões
  2. Direito Constitucional – 7 questões
  3. Direito Civil – 7 questões
  4. Processo Civil – 7 questões
  5. Direito Administrativo – 6 questões
  6. Direito Penal – 6 questões
  7. Processo Penal – 6 questões
  8. Direito do Trabalho – 6 questões
  9. Processo do Trabalho – 5 questões
  10. Direito Empresarial – 5 questões
  11. Direito Tributário – 5 questões
  12. Direito do Consumidor – 2 questões
  13. Estatuto da Criança e do Adolescente – 2 questões
  14. Direito Ambiental – 2 questões
  15. Direitos Humanos – 2 questõe
  16. Direito Internacional – 2 questões
  17. Filosofia do Direito – 2 questões

4 motivos para você saber como funciona a prova da OAB

  1. Vai deixá-lo mais confiante no dia da prova: você vai ter domínio da estrutura do Exame e do tipo de questões mais cobradas; 
  2. Vai saber os temas que precisa estudar mais: na prova, há algumas disciplinas que possuem um maior número de questões que as demais; 
  3. Vai descobrir as disciplinas que você domina mais e as que domina menos: você vai poder criar sua estratégia de estudo com mais segurança; 
  4. Vai perceber que a OAB repete alguns temas de questões todos os anos: foque neles para você já ir se familiarizando

Aprenda a seguir como funciona a prova da OAB.

Como funciona a prova da OAB?

Para entender como funciona a prova da OAB, vale conferir as matérias cobradas do Exame.

Basta verificar o anexo do edital publicado pela FGV, que informa todo o conteúdo programático da prova e as respectivas disciplinas.

E aqui já vão as primeiras dicas:

Leia o edital todo

ATENÇÃO! Conforme resolução do Conselho Nacional de Educação (CNE), as disciplinas de Direito Previdenciário e Conciliação, Mediação e Arbitragem passaram a ser obrigatórias no rol das disciplinas do curso de Direito.

Como o Exame da Ordem é estruturado pelas diretrizes curriculares estipuladas pelo CNE, o boato que circula é que a OAB incluirá tais disciplinas nos próximos Exames. É importante deixar claro que ainda é somente especulações.

Entenda a estrutura de questões

Das 80 questões aplicadas pela banca FGV (Fundação Getúlio Vargas), o candidato, para ser aprovado, precisa acertar pelo menos 50% da prova, ou seja, 40 questões.

primeira fase tem duração de 05 horas e não é permitido qualquer tipo de consulta na primeira fase.

Por isso, para entender como funciona a prova da OAB, leia com atenção os enunciados das questões aplicadas no Exame da OAB, pois costumam ser grandes e cansativos.

Aí vem a terceira dica:

Tenha contato com as provas anteriores

É sugerido que você entenda a FGV e o que ela exige.

Se assim  preferir, busque um cursinho que mostre como funciona a prova da OAB e que o prepare para o teste de resistência que acaba sendo o Exame da Ordem.

No mesmo dia que a prova da primeira fase é aplicada, a FGV publica o gabarito preliminar.

Por isso é indicado que o candidato espere o tempo mínimo exigido (04 horas) para sair com o caderno de provas.

A segunda fase é realizada em média 45 dias após a primeira fase e a lista de aprovados sai quase um mês após a aplicação da prova, ou seja, quanto antes o candidato souber se ele foi aprovado para segunda fase ou não, melhor.

Conheça as fases da Prova

Se o candidato for aprovado na primeira fase, ele passará para a segunda fase do Exame, que consiste em uma prova discursiva, composta por uma peça profissional e quatro questões dissertativas em que o candidato terá que resolver um caso concreto proposto pelo examinador.

Outra informação importante de como funciona a prova da OAB é saber que, no momento da sua inscrição para primeira fase, terá que optar por uma das áreas abaixo para segunda fase:

  • Direito Administrativo
  • Direito Civil
  • Direito Constitucional
  • Direito Empresarial
  • Direito Penal
  • Direito do Trabalho
  • Direito Tributário

A área escolhida abrange o Direito material e processual correspondente, ou seja, ao escolher por Direito Penal, sua prova conterá assuntos de Direito Penal e Direito processual Penal.

A prova da segunda fase possui o valor de 10 pontos, sendo 05 pontos para a peça profissional e 1,25 para cada uma das questões dissertativas e cada décimo é importante na segunda fase.

Ao contrário da primeira fase, o candidato pode realizar consultas às legislações, súmulas, orientações jurisprudenciais, enunciados e precedentes normativos, desde que não haja qualquer anotação ou comentário.

A prova também tem duração de 05 horas e o gabarito preliminar também sai no mesmo dia, porém, como se trata de uma prova discursiva, é muito difícil ter 100% de certeza da sua nota.

É possível saber de forma superficial se o candidato pelo menos colocou o exigido no espelho da prova.

A lista preliminar de aprovados é publicada aproximadamente um mês após a prova da segunda fase da OAB.

Entenda como funciona a repescagem

Se o candidato for reprovado na segunda fase, ele não precisará repetir a primeira fase, podendo, assim, apenas refazer a segunda fase do Exame.

Por exemplo, você fez o XXVIII Exame, foi aprovado na primeira, mas perdeu na segunda fase, então você irá fazer a segunda fase do XXIX Exame.

Tal feito é conhecido como repescagem ou reaproveitamento da prova.

É importante informar que a repescagem só pode ser utilizada uma vez pelo candidato, ou seja, se o postulante perder na segunda fase, for para a repescagem e perder novamente, terá que fazer novamente a primeira fase do Exame.

# Atenção para a repescagem! Se o candidato for aprovado na primeira fase e não realizar a segunda, não aplica-se para este a repescagem!

Da mesma forma que temos o período de inscrição para o candidato realizar as 2 etapas da prova, também temos um período (bem curto, por sinal) para a inscrição da repescagem.

O candidato deverá, no período de inscrição específico, acessar o site da OAB e fazer o mesmo procedimento que fez na primeira inscrição, devendo preencher o formulário específico para a realização da repescagem e aguardar a homologação pela OAB.

Se o candidato quiser, poderá mudar de disciplina na repescagem, devendo tal alteração ser feita no momento da solicitação da repescagem.

Uma das perguntas que muitos candidatos fazem é:

Faça um cursinho preparatório para OAB?

Um curso preparatório pode auxiliar muito o candidato na sua busca pela tão sonhada “vermelhinha”, pois, com um cursinho, o candidato terá um estudo direcionado, com professores que se dedicam a entender a prova e com questões no padrão da banca examinadora FGV.

O cursinho acaba sendo uma “mão na roda” principalmente para aqueles que não possuem uma rotina de estudos.

Com essa ferramenta, o aluno além de investir em uma plataforma inovadora, terá acesso a mais de 2 mil questões inéditas/adaptadas no padrão FGV.

Não bastasse essa quantidade de questões, o aluno ainda terá avaliações individualizadas de desempenho, ou seja, ao realizar a primeira fase da OAB o candidato terá confiança.

Ao final, a Trilha terá lhe informado seus pontos fracos e fortes, o que era necessário estudar mais.

Ademais, é importante destacar que a partir das Avaliações Individuais de Desempenho, a plataforma direcionará o aluno para o material de estudo personalizado, indicando que este aluno estude além dos temas que precisa reforçar, os temas mais cobrados pela OAB.

Essas são algumas das coisas que o candidato que optar por um cursinho preparatório para primeira fase da OAB terá se escolher investir no Trilha da Aprovação.

Conte com os melhores profissionais do mercado

Esta é uma empreitada que requer muita determinação e foco. Trilhar este caminho sozinho pode ser mais laborioso do que realmente precisa ser.

Por isso, o Brasil Jurídico desenvolveu uma metodologia e plataforma com o que há de mais moderno e avançado em termos de tecnologia, tornando o seu aprendizado mais rápido, seus estudos mais práticos, e a sua aprovação garantida.

Trata-se da TRILHA DA APROVAÇÃO PARA 1ª FASE DO EXAME DA OAB.

Nossa marca é a fidelidade ao compromisso ético de oferecer, sempre, conteúdos de excelência, por meio de métodos arrojados e de recursos inovadores.

Além disso, contamos com uma equipe de professores que aliam o conhecimento científico, acadêmico e profissional à praticidade que seu dia a dia requer.

Oferecemos ao estudante/examinando, que percorre a TRILHA, uma plataforma com arsenal robusto de conteúdos, além de:

  • Análises detalhadas das provas anteriores;
  • Diagnósticos de performance;
  • Videoaulas;
  • Baterias de questões para resolução online;
  • Simulados;
  • Meta de desempenho;
  • Relatórios e infográficos com diagnósticos personalizados;
  • Material de estudos com legislação e jurisprudência correlatas;
  • Tira dúvidas em 48 horas;
  • E muito mais!

Não é à toa que obtemos ótimos resultados como a APROVAÇÃO de 61% dos nossos alunos matriculados na TRILHA DA APROVAÇÃO PARA O XXVII e 67,2% no XXVIII  Exame de Ordem. Isso mesmo!

Seja você também integrante do nosso time de aprovados!

segunda fase OAB do Brasil Jurídico
Você também pode gostar